//
você está lendo...
Notícias

Moradores e pesquisa aponta problemas na coleta de lixo…

Em Januária há muita sujeira nas ruas. Existe coleta em alguns bairros, porém em outros muito lixo fica sem destino, espalhado de forma inadequada, degradando o meio ambiente e podendo causar danos sociais e a saúde da população. Em algumas ruas, os próprios moradores são responsáveis por retirar o lixo que produzem em suas residências e no local de trabalho.

Além do imposto, às vezes pagam carroças e caçambas para retirar os resíduos ou, por falta de opção os queimam nas portas de suas residências.

 De quem é a culpa de toda sujeira de Januária? Da administração pública que está com a máquina na mão e não presta os serviços devidos a população que paga seus impostos? ou da população mal acostumada com a limpeza, sem opcao para destinar de forma adequada o lixo gerado em suas residencias? E ai fica a indagação da população: para onde esta indo o imposto pago pelo cidadão?

 A coleta de lixo ocorre diariamente no Centro da cidade. Ela é realizada pela manhã, exceto aos domingos. Já nos bairros, ela é feita em duas ou três vezes na semana em dias pré-determinados, de acordo com Secretaria Municipal de Obras. Há ainda bairros onde não existe coleta, de acordo com depoimentos colhidos pelos professores do Centro de Educação Integrado do Vale do São Francisco (Ceiva), José Leonardo Nery Silva e Eduardo Dias Ferreira, que realizaram uma pesquisa sobre o destino dos resíduos sólidos em Januária, em 2010.

O pedreiro Jovelino Alves, 68 anos, é um dos moradores insatisfeitos com a coleta de lixo. Morador do bairro Jussara, parte alta da cidade, onde existe coleta de lixo às terças e quintas, ele diz que o serviço é   deficitário e deixa a desejar. Segundo ele, a rua fica toda suja mesmo após a coleta. Como a lixeira fica em frente a sua casa, ele mesmo varre a sujeira que os responsáveis deixam para trás. “O prefeito que é responsável por toda a sujeira da cidade, já que ele é responsável por mandar as pessoas fazerem a limpeza”, diz.

            Segundo a pesquisa realizada pelos professores do Ceiva, a coleta do lixo em Januária era realizada por dois caminhões compactadores, duas caçambas e um caminhão, sendo que 26 servidores coletores e cinco motoristas faziam o trabalho. “Apesar da disponibilização de todos esses re cursos, a prefeitura não vem realizando um trabalho que resulte na satisfação da população local em relação ao meio ambiente urbano”, afirmam os professores.

            A pesquisa ouviu 234 moradores, dos quais 60% estavam insatisfeitos com os ser viços de limpeza e/ou coleta urbana. “Os que

opinaram como bom, residem em maior quantidade no centro, mas contraditoriamente, são os que mais demonstraram insatisfação com os serviços prestados pela prefeitura local: 53,12%”, afirma a pesquisa.

 PLANO DE COLETA DE LIXO

Este ano, nada mudou. A insatisfação da população aumenta e ainda  falta atenção à coleta de lixo em nossa cidade.  É preciso ressaltar que a população cresce a cada dia, aumentando a produção de residuos sólidos, sejam eles  de origem domiciliar, comercial ou de vias públicas.  Com o constante aumento da populacao, e o consequente crescimento da cidade, se faz ainda mais necessário um sistema de gerenciamento eficiente dos residuos solidos urbanos.

Segundo os auditoreos em sistema de limpeza publica urbana Raimundo Costa Nogueira e Marcio Soares da Rocha, “A constituicao federal confere aos municipios a competencia de organizar e prestar os servicos publicos de carater urbano, ai incluidas as tarefas de limpeza pública e disposição final dos resíduos sólidos urbanos. Essas prestações de serviços podem ser prestadas pelas próprias prefeituras municipais ou treceirizada. Neste último caso, as prefeituras municipais sao responsáveis pelo pagamento as empresas prestadoras de serviços, com base no volume de resíduos sólidos coletados.”

            O serviço de coleta de lixo deve atender a toda população de Januária. Para que haja uma coleta satisfatória e que atenda a todos os bairros, é necessário que exista um sistema básico de limpeza urbana. Ele deve ser composto de coleta de lixo diária, varrição de ruas, limpeza de locais públicos, como feiras, praças, praias do Rio São Francisco, ruas e lotes abandonados.

            Além disso, faltam ações de conscientização da população, que abordem a importância de reduzir a quantidade de lixo produzida e de destinar os resíduos de forma adequada. Por falta de opção, alguns moradores retiram os lixos dos seus quintais e jogam em ruas abandonadas, acreditando estar fazendo a coisa certa. Isso está errado, pois o lixo jogado na rua pode voltar para dentro das residências em forma de animais e doenças. Além disso, degrada o meio ambiente. Como já dizia em um jargão popular: “Cidade limpa não é a que mais se limpa, mas a que menos se suja”.

            Por fim, é preciso haver um aterro sanitário para destinação final e tratamento do lixo. Segundo a pesquisa dos professores Silva e Ferreira, “os resíduos recolhidos no ambiente urbano são depositados em valas e posterior mente aterrados com terra em uma área de 15 hectares, pertencente à prefeitura e situados a uma distância aproximada de 7 km do centro da cidade”. São recolhidos em média, 25 tone ladas diárias de resíduos, aponta o estudo. “Não há projetos ativos para a reciclagem. Sua

ação em favor da reciclagem limita-se a apoiar os catadores”, afirmam os professores.

Para que haja uma coleta satisfatória que atenda a todos os bairos, Se faz necessário um sistema básico de limpeza urbana em Januaria composto de coleta todos os dias, varrição de ruas, limpeza de feiras, praças públicas, praias, ruas e lotes abandonados, ações de consicentização que minimizem o volume de criação de lixo e por fim um aterro sanitário para destinação final e tratamento do lixo.

 Foi feita uma tentativa de falar com a Secretaria de Obras da Prefeitura de Januária, por e-mail, no início de outubro. Mas, até o fechamento desta edição, o órgão não enviou resposta.

About these ads

Sobre reportercidadaozil

Sou brasileira, casada, católica praticante, januarense e acredito que posso contribuir na luta por melhores dias em nossa querida Januária.

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Realização

Amigos de Januária

Apoio

TRANSLATOR

Junte-se a 1.514 outros seguidores

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.514 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: